A Semana em voo picado: São as vacinas, meus amigos… são as vacinas que nos salvam!

Na segunda-feira Bruxelas abre o jogo e pede que os países comecem a tomar medidas para facilitar a circulação entre estados para aqueles que já estejam imunizados. 

Photo by Steven Cornfield on Unsplash

Para que continuemos seguros a União Europeia propõe uma espécie de “travão de emergência” caso surjam novas variantes do vírus que agravem a situação epidemiológica ou afetem a eficácia das vacinas. 

Pois a mim parece-me que Bruxelas está certa… a acreditar na eficácia das vacinas para nos ajudar a controlar esta crise sanitária, a medida parece-me bastante equilibrada!

Entretanto, no Brasil, o Instituto Butantan e o Governo de S.Paulo divulgaram os resultados de um estudo que parece indicar que o controlo da pandemia se atinge com 75% da população vacinada! O estudo, de nome “Projecto S” mostrou ainda uma redução de 80% dos casos sintomáticos, de 86% dos internamentos e de 95% das mortes relacionadas com a COVID-19… Mais um estudo a confirmar o caminho que estamos a trilhar!

Na terça-feira, o Jornal de Notícias alerta para variações remuneratórias inexplicáveis na contratação de enfermeiros para o processo de vacinação contra a COVID-19. Segundo este Jornal a remuneração destes profissionais pode variar entre os €5 e os €15 dependendo da entidade que contrata os profissionais!… Pois é… dei voltas á cabeça e não encontrei explicação!… €5??? Temos enfermeiros a serem recrutados para trabalhar para o estado por €5 por hora?… Creio que o Estado deveria tornar transparente quanto está a pagar às empresas que estão a intermediar esta contratação!… E já agora, algum jornalista que faça o favor de verificar que empresas são estas!… Creio que talvez entendêssemos melhor este fenómeno! 

No mesmo dia, o mesmo Jornal conta-nos que durante o ano de 2020 os Portugueses tiveram parados em contas à ordem cerca de 73,5 mil milhões de Euros!… Pergunto-me o que faz os Portugueses manterem as suas poupanças à ordem?… Sei que precisamos de taxas de Juros baixas para facilitar o acesso ao crédito durante a recuperação económica pós-pandemia… mas quando vejo este valor e me lembro do valor que nos emprestou a troika… quando, ainda por cima, vejo a taxa a que estamos a pagar esse empréstimo e as taxas pagas pelos depósitos a prazo… me pergunto se não haverá nas poupanças das famílias o potencial para um financiamento da economia numa solução “win-win” para estado e investidores individuais?… Naturalmente que estou a colocar a questão de modo muito simplista… que há outras variáveis a ter em conta… mas não pude evitar o pensamento!

Quarta-feira foi dia de Conselho de Ministros e dia de decisões sobre o processo de desconfinamento. E, sem surpresas, o Governo anunciou que o desconfinamento continuará com novas regras já a partir de 14 de Junho. Assim ficamos a saber que, tal como tinham aconselhado os especialistas, não se aplicarão alterações, para já, na matriz de risco embora se admita o relaxamento de critérios para conselhos de baixa densidade populacional, permitindo que dupliquem o limiar de risco de incidência aplicado aos restantes conselhos. Também, a partir de 14 de Junho, o teletrabalho deixa de ser obrigatório; os restaurantes, cafés e pastelarias poderão admitir clientes até à meia-noite e fechar á 1h00; o comércio vai ter o horário do respetivo licenciamento sem restrições; os espetáculos culturais terão horário alargado até à meia-noite com uma lotação de 50% se forem interiores e lugares marcados se forem exteriores; a lotação dos transportes públicos passa a 2/3 ou a totalidade no caso dos transportes que funcionem exclusivamente com lugares sentados; deixam de haver restrições nos escalões de formação e modalidades amadoras no desporto (nos casos das modalidades de interior a lotação será de 1/3)… 

Numa segunda fase, a partir de 28 de junho, as lojas do cidadão passarão a atender sem marcação prévia; a atividade desportiva nos escalões profissionais passará a aceitar espectadores segundo regras que a DGS irá definir e acabam as restrições de lotação nos transportes públicos.  Os bares e as discotecas permanecem encerrados; as festas populares continuam a não se poder realizar; e os casamentos continuam a estar limitados a 50% da lotação.

Ainda na quarta-feira ficamos a conhecer Caetano Reis, investigador no Instituto Francis Crick, que liderou uma equipa de investigadores que acaba de identificar uma proteína que está presente no plasma sanguíneo e que tem o potencial de abrir novas vias para o desenvolvimento de soluções de imunoterapia para diferentes tipos de cancro!… Orgulho  ver um português brilhar desta maneira no mundo da ciência!

Finalmente quarta-feira trouxe-nos a Associação de Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA) a defender o fim da obrigatoriedade dos testes PCR aos turistas vindos do Reino Unidocomo forma de estimular ainda mais o turismo vindo do nosso mercado preferencial!… Ora nem foi preciso mais que um dia para percebermos tratar-se de um pedido que parte de premissas erradas!… Pois, na quinta-feira, o Reino Unido decide tirar Portugal da Lista Verde e detonou as esperanças de uma recuperação significativa da actividade turística para este verão… a menos que a situação epidemiológica venha a melhorar!…

Fica-me a sensação de que alguns dos responsáveis do sector ainda não perceberam que, no contexto em que vivemos, a recuperação da sua actividade não depende da abertura das regras que aplicarmos dentro tanto quanto depende da percepção de segurança com que nos percepcionam desde fora!…

Quer dizer… o que necessitamos para que possamos ter turistas é exactamente o contrário do que eles pediam!… Ou seja, regras que permitam uma abertura contida de modo a assegurar uma estabilidade epidemiológica que nos mantenha entre os destinos considerados seguros por parte dos países de onde são oriundos os nossos turistas!…

E não adianta argumentar que a exclusão de Portugal da lista verde não faz sentido, que é injusta ou até mesmo errada!… Não é por o dizermos que o Reino Unido mudará a sua decisão!… O que temos de fazer é falar com as autoridades do reino Unido, entender os seus critérios e criarmos condições para que possamos estar na lista verde, de forma segura e por mais de duas semanas. Infelizmente não vejo nada a ser feito neste sentido!

Também na quinta-feira o Vice-Almirante Henrique Gouveia e Melo defendeu a vacinação dos imigrantes não legalizados dizendo que “não podemos deixar pessoas que vivem em território nacional sem vacinação. Não podemos ser egoístas. A comunidade não pode ser egoísta. Essas pessoas sem vacinação vão atacar a própria comunidade porque são propagadoras de vírus” disse. Uma vez mais o Vice-Almirante mostra sensatez e responsabilidade… Chapeaux!

Na sexta-feira chega a catadupa de cancelamentos de férias no algarve por parte dos turistas vindos do Reino Unido… resta-nos saber se existe um plano para voltar à lista verde que não seja insultar o governo inglês!

Entretanto a França toma a dianteira e anuncia que irá permitir a entrada, sem necessidade de PCR, a pessoas que apresentem o certificado de vacinação já a partir da próxima quarta-feira. Esta regra envolve os países da UE e também outros países para pessoas que tenham sido imunizadas com uma das vacinas aprovadas pela União Europeia… De fora ficam os residentes no UK, aos quais se continuará a pedir o teste PCR. 

Ora aqui está uma resposta como deve ser!… Se em vez de dar entrevistas nos telejornais os nossos ministros gastassem a sua energia a trabalhar com os nossos parceiros europeus para que este tipo de políticas sejam aplicadas de uma forma mais generalizada, talvez se abrisse a possibilidade para turistas vindos de vários locais do Globo!… E talvez uma atitude menos subserviente em relação aos “súbditos de sua majestade” resultasse num comportamento mais aceitável por parte dos seus responsáveis políticos!

Entretanto o Expresso publica um trabalho que analisa as recomendações da Primavera da Comissão Europeia destacando o aviso ao Governo português para que financie os investimentos necessários à recuperação económica, mas sem que isso gere uma carga permanente sobre as finanças publicas!… Ora estando o governo dependente da esquerda para aprovar o próximo orçamento de Estado, duvido que venha a ser capaz de assegurar aquilo que a comissão lhe está a pedir!… O que é uma péssima notícia para os nossos filhos e netos!

No sábado é publicada a sondagem da Aximage para o DN, JN e a TSF com António Costa a apresentar o seu pior resultado de sempre! Apesar desta queda, Rui Rio parece, mais uma vez, não ser capaz de aproveitar para subir na avaliação dos eleitores!… Acorda PSD!

Também na sexta-feira, a presidência da República anuncia que será o antigo presidente da República, General Ramalho Eanes, a presidir à Comissão Nacional das comemorações do 50.º aniversário do 25 de Abril. Excelente escolha pela pessoa que é e pelo representa na nossa história recente!… Quem me dera ser mosca e poder estar nas sedes do PCP ou do BE no momento em que receberam esta notícia!

No plano internacional destaca-se o acordo entre os ministros das Finanças do G7 para a aplicação de um imposto mínimo de 15% sobre as multinacionais, de modo a assegurar que “as empresas certas paguem os impostos certos, nos locais certos” afirmou Rishi Sunak ministro das Finanças do Reino Unido.

Pois parece-me uma boa medida… falta explicar o longo caminho que terá de percorrer até que possa ver, efectivamente, a luz do dia.

Ainda na sexta-feira é publicado, pela Direção-Geral da Saúde (DGS) e pelo Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA), o relatório de monitorização das “linhas vermelhas” da pandemia3 alertando para a possibilidade de, a manter-se a tendência actual, a região de Lisboa e Vale do Tejo atingir os 120 casos de infeção por cem mil habitantes dentro de menos de 15 dias. Fica, uma vez mais, claro que esta guerra ainda não está ganha e que se necessita um comportamento muito responsável por parte de todos, para que não voltemos a recuar neste longo caminho de recuperação que vimos fazendo. 

De qualquer forma o relatório confirma também que apesar da tendência crescente do número de casos diários se continua a observar uma descida, ainda que bastante ligeira dos internamentos em Unidades de Cuidados Intensivos (UCI)… o que me deixa com uma sensação de que estamos perto do “tipping point” a partir do qual a pandemia poderá começar a estar sob controlo!

No Domingo 230 personalidades do mundo da economia e da política, como Tony Blair, Gordon Brown, Ban Ki-moon e Richard Branson entre outros, pedem aos membros do G7 que os seus países assumam dois terços dos custos globais de vacinação contra a covid-19 no planeta! Muito bem!… Muito bem, mesmo!

Por cá o Ministério da Saúde divulga que 40% da população portuguesa está já vacinada com a primeira dose da vacina e que 22% já tem o esquema vacinal completo… seguimos a bom ritmo, pois então!

A fechar a semana registamos mais 612 novos casos de covid-19, sendo que mais de metade (340) se situaram na região de Lisboa e Vale do Tejo (LVT). Fechamos assim a semana com uma incidência de 69,8 casos por 100 mil habitantes e um R(t) de 1,08… números que correspondem a um aumento em relação a semana passada embora melhorando no que diz respeito ao número de internamentos e mantendo os internamentos em UCI estáveis.

São as vacinas, meus amigos… são as vacinas que nos salvam!

Gostou do que leu? Então, ajude-me a crescer seguindo este Blog e partilhando nas redes sociais!

#SemanaEmVooPicado; #PoliticaPortugal; #ActualidadePolitica; #SociedadePortugal; #DemocraciaParticipativa

  1. https://www.publituris.pt/2021/06/02/aheta-pede-fim-da-exigencia-de-testes-pcr-a-britanicos/
  2. https://www.presidencia.pt/atualidade/toda-a-atualidade/2021/06/general-ramalho-eanes-preside-a-comissao-nacional-das-comemoracoes-do-50-o-aniversario-do-25-de-abril/
  3. https://covid19.min-saude.pt/wp-content/uploads/2021/04/20210430_Monitorização_Epidemia_COVID-19.pdf
  4. https://www.dgs.pt/em-destaque/relatorio-de-situacao-n-461–06062021-pdf.aspx

Publicado por Hugo Barbosa

Empenhado em deixar o mundo um pouco melhor do que o encontrei!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: